quinta-feira, 26 de julho de 2012

Amor Feinho

Amor Feinho

Eu quero amor feinho.
Amor feinho não olha um pro outro.
Uma vez encontrado, é igual fé,
não teologa mais.
Duro de forte, o amor feinho é magro, doido por sexo
e filhos tem os quantos haja.
Tudo que não fala, faz.
Planta beijo de três cores ao redor da casa
e saudade roxa e branca,
da comum e da dobrada.
Amor feinho é bom porque não fica velho.
Cuida do essencial; o que brilha nos olhos é o que é:
eu sou homem você é mulher.
Amor feinho não tem ilusão,
o que ele tem é esperança:
eu quero amor feinho.

                                  - Adélia Prado -

Não morri gente, só super ocupada!!
Em breve comentários de nossa leitura conjunta!!
 
Beijos,
Fefa Rodrigues


4 comentários:

Dora Delano disse...

por aqui os prazos me pegaram! Vou tentar terminar o livro pra discutirmos como um todo ;)

bjo

Fernanda Cristina Vinhas Reis disse...

Oi Fê!

Gostei do poema. Só você mesmo pra colocar poemas que eu gosto,mesmo não curtindo poesia ;D

Olha, eu não recebi o seu recado no nome do Davi não...Só vi o que você mandou depois.

Beijos!

CMachado disse...

Olá Fefa,
deixei minhas impressões do livro D.A.O.D p/ vc no e mail ok?

Aqui vou comentar uma coisa da qual esqueci.

Tempos atras vi um filme, aterrorizante diga-se de passagem.
Sobre a história de um pintor, se não me engano começa c/ go lembrei, no exato instante q escrevo.
O nome do pintor é Goia acho q é isso.

Pois então, com a maravilhosa Natallie Portman, dá uma conferida filmaço.
Você vai ver que a personagem sofreu pacas, talvez mais pelo tempo. Que a menina Sierva.

O filme é sobre o pintor c/ pano de fundo a Inquisição e aconteceu c/ ela a mesma coisa que aconteceu a Sierva. Sendo que c/ a diferença que o pai mais o irmão fez de tudo p/ tirar ela das mãos dos padrecos.
Não sei se vc já viu, mas o filme é perturbador e é tb com o maravilhoso marido da Penelope Cruz, javier acho q é esse nome.
bjk

Fernanda Cristina Vinhas Reis disse...

Oi Fê!

Agora sim! Olha, eu até gosto da Asha até certo ponto. Depois eu acho que ela fica muito chata (sem, trocadilho ;D)

Beijos!