sexta-feira, 29 de junho de 2012

Boa sexta...

"Mundo mundo vasto mundo,
mais vasto é meu coração."

                                          Drummond


Beijos, boa sexta e ótimo fim de semana!!!

Fefa Rodrigues 
 

quinta-feira, 28 de junho de 2012

Literatura e Cinema

Hoje no blog Universo Literário, um dos meus preferidos, há uma postagem falando um pouco sobre as séries de livros que se tornaram adaptações cinematográficas de sucesso e pensei em escrever algo sobre o assunto também. 

Eu tive meu primeiro contato com fantasia a partir do cinema, quando assiti ao Senhor dos Anéis - A Sociedade do Anel. Saí do cinema direto para a livraria e não sosseguei enquanto não li todos os livros da série e, a partir dai, viciei em fantasia.

Acredito que as séries de livro mais famosas são Harry Potter, O Senhor dos Anéis, As Crônicas de Nárnia e Crepúsculo. Crônicas do Gelo e do Fogo, se tornou uma série série para a TV e não filme, mas também é perfeieta e um super sucesso.

Tem, ainda, Jogos Vorarez que eu não assiti mas que tem sido muito bem falado e está na minha lista de leituras. É muito legal que os nossos livros preferidos se tornem filems, não é? Mesmo que nossa frase seja sempre "o livro é bem melhor" é bom ver nossos personagens queridos ganhar vida e a ambientação também é um detalhe que eu adoro!!









Uma adaptação que eu não gostei foi O Código Da Vinci, o livro é tão emocionante, tão cheio de ação e empolgante, mas o filme não "captou" essa caratesitica. Acei parado e os "enigmas" que eram o ponto forte do livro não foram explorados. O mesmo, na minha opnião, aconteceu com Anjos e Demônios.




Além das séries que se tornaram filmes, alguns clássicos da literatura também vão estrear nas telas do cinema nos próximos meses. O mais esperado, por mim pelo menos, é Os Miseráveis, quem me conhece já sabe que eu considero este livro o melhor de todos os tempos, tenho verdadeira fascinação pela obra, e acredito que é algo que todo mundo deveria ler antes de morrer!!! Sei que de outras adaptações, mas ainda não vi nenhuma delas, então, estou aguardando anciosa por este filme.


Outro clássico que em breve veremos no cinema é Ana Karenina, do Tolstoi. Também um livro ótimo. Aliás, Tolstoi é um escritor do mesmo nível de Vitor Hugo, genial. Neste livro, meu personagem preferido é o Liev, não sei se ele terá destaque no filme, mas me paixonei por ele no livro.

 
Por fim, O Grande Gatsbay também ganhou vida nas telonas, com Leonardo di Caprio no papel principal e, apesar de algumas críticas, acho que ele combina com o tal personagem. Outro filme que, apesar de não ter gostado tanto do livro, estou louca para assitir principalmente para conferir a fotografia e a ambientação. 


E ai, qual é sua adaptação preferida???

Beijos,
Fefa Rodrigues.

PS: Estou lendo O Historiado e este livro daria um ótimo filme!!!

quarta-feira, 27 de junho de 2012

Alguns videos muito legais!!!!

Este video é simplemente maravilhoso.

Pra quem ama o céu, assim como eu, não há nada mais bonito!!


E pra quem ama os livros...

https://vimeo.com/33822223 (gente, eu não sei o que o video "diz" pq meu micro aqui sem som, mas o video é muito legal!!!)

Beijos,
Fefa Rodrigues

sexta-feira, 22 de junho de 2012

História Fascinante - A Fuga em um Balão

Os Romances Históricos ocupam a maior parte das minhas prateleiras. São livros que unem minhas maiores paixões: literatura e história. Me apaixonei pelos livros desde minha primeira leitura - O Outro Lado da Ilha - e acredito que nasci amando história. 

O que mais me fascina em estudar história é me imaginar ligada a pessoas que viveram há tanto tempo, pensar que atos praticados há centenas de anos ainda influenciam nossa vida e, encontrar em museus, na arquitetura, ou em um antiquário, provas de que a vida foi mesmo daquele jeito que os livros dizem que foi.

Sonho um dia ter uma coleção de moedas antigas e de medalhas da II Guerra. Tocar objetos assim fazem meu coração saltar, de verdade, e sempre que visito um museu, sinto aquela leve falta de ar, como quando via o Davi em nosso primeiros dias, ou como quando o vejo depois de uma semana separados - sintomas da paixão. 

Há algum tempo tenho a oportunidade de me dedicar a estas paixões e, decidida a levar isso a sério, tenho comprado livros sobre o momento histórico que mais me cativa, a II Guerra. Então, para entender bem esta fase histórica, comecei a ler um pouco sobre os conflitos anteriores que acabaram por influenciar o rumo dos acontecimentos e lendo um pouco sobre a Guerra Franco-Prussiana, me deparei com um acontecimento, no mínimo interessante, que deve ser de conhecimento de muitos que por aqui passam, mas que eu desconhecia. Um fato que chega a ser engraçado e que bem poderia ter sido uma cena de um livro do Jô Soares, em que a gente leria e pensaria "Só o Jô para ter uma idéia assim".

Após a Batalha de Sedan, o exército prussiano cercou Paris, que resitia fortemente. Como o Imperador Napoleão III havia sido capturado após sua rendição, a resistência francesa prosseguiu sob o governo de León Gambetta. Léon precisava reorganizar o exército e a estratégia para libertar a cidade, mas para isso ele tinha que deixar Paris, o que era impossível devido ao cerco. Então alguém (quem?) teve uma ótima idéia, o primeiro-ministro poderia deixar a cidade pelo céu, fugindo em um balão, e foi o que ele fez.


Agora, a melhor parte de se conhecer a história. Além de imaginar quem é que teve a tal idéia, e como ele pensou nisso - algo bem incomum, não acham? Imaginem os soldados prussianos, acampados ao redor de Paris, de repente olham para o céu e vêem um balão deixando a cidade, um exército de centenas de milhares de homens vendo o lider contrário fugir dali sem que eles pudessem fazer nada. Imaginem aqueles homens gritando, apontando para o céu e xingando, Bismarck então, sai de sua tenda para ver o motivo de tanto alvoroço, olha para a direção dos dedos apontados e vê um balão cruzando o céu. 

A história, além de fascinante, pode ser engraçada também, não é mesmo? Fugir em um balão não parece uma atitude das mais elegantes, mas foi assim que aconteceu.

Apesar da engenhosa fuga, o exército prussiano era maior e mais bem equipado e, como sabemos, a França perdeu a guerra, teve que pagar uma indenização gigantesca e seder a Alsácia e a Lorena para o Império Alemão e, depois de pouco mais de 30 anos, a ferida ainda não havia cicatrizado, e a morte do herdeiro do trono austro-hungaro foi o estopim de um novo conflito, mas isso já é outra história!

Beijos, bom fim de semana e boas leituras!!
Fefa Rodrigues


quarta-feira, 20 de junho de 2012

Amor por livros

Hoje, um pouco antes de terminar o dia, minha amiga Taís me enviou um arquivo e uma mensagem dizendo que aquela imagem era "a minha cara". Então, vou compartilhar com todos os demais amantes de livros...

"A leitura de um bom livro é um diálogo incessante: o livro fala e a alma responde. " 
                                                            André Maurois


Boa noite a todos e ótimas leituras nesse fim de dia chuvoso e gelado!!
Beijos...
Fefa Rodrigues

Novas "conquistas"

Sempre quando o correio chegava com minhas encomendas eu postava aqui como "novas aquisições", mas desde que eu li a postagem do Vítor, do blog O Guardião da Muralha, chamando suas aquisições de "conquistas", eu pensei que, quando se sonha em ter uma biblioteca, cada novo livro é realmente uma conquista!! Então, hoje vou postar a foto de minha nova conquista, mais um livro para minha Biblioteca que, ainda é formada por apenas quatro prateleiras, mas um dia serão paredes e paredes cheias, abarrotadas de livros!!

Comprei Os Cavaleiros de Preto e Branco pela capa e pela descrição que constava lá na Livraria Cultura, um romance histórico sobre os templários, um assunto que eu adoro, e tenho certeza de que muitos dos amigos aqui do blog também curtem.


 Agora tenho bastante coisa na fila de leitura, mas acredito que vou ler O Festim de Corvos, porque Dança dos Dragões chega até dia 25, não é?!

Ah, eu estava lendo O Cemitério de Praga, mas acabei parando e trocando por O Historiador que foi dica da Orquidea, minha amiga aqui do blog, literatura vampiresca que eu estou amando!!! Em breve falo sobre ele, falta pouco para terminar.

Beijos,
Fefa Rodrigues  

quarta-feira, 13 de junho de 2012

Um pouco mais sobre Crônicas do Gelo e Fogo

Olá, uma postagem rápida, só para dar um dica que recebi da Fê, do Na Trilha dos Livros. É um blog cheio de informações e teorias sobre a série Crônicas do Gelo e Fogo. Aliás, aproveitando a oportunidade, que série é essa, minha gente?!! Como já disse antes, eu demorei para comprar o primeiro livro, porque, a princípio, fiquei um tanto chateada com as comparações que fizeram com O Senhor dos Anéis, meio que queria evitar a leitura, mas, depois que comecei, me apaixonei... e, como também já disse antes, não concordo com as comparações feitas. Para mim, apesar destas obras terem em comum o fato de serem fantasia, os autores tinham coisas diferentes em mente, por isso, cada uma segue sua própria linha, sem que a gente possa dizer que uma é melhor que a outra por isso ou por aquilo.

Gostaria de ter mais pessoas para comentar sobre os livros. Não conheço pessoalmente mais ninguém que tenha lido... um amigo meu está lendo Guerra dos Tronos que eu emprestei, mas como ele trabalha o dia todo e a noite vai para a faculdade, só consegue ler um capítulo por dia, então está lendo devagar e, ainda por cima, só nos vemos aos domingos, então não dá para falar muito sobre o assunto e, o Davi, que é com quem eu mais gosto de conversar nessa vida, está tão sem tempo devido ao trabalho que ainda não começou a ler... então eu não tenho ninguém com quem conversar sobre o assunto, por isso adoro todos os blogs que comentam a série e vivo procurando mais coisas sobre o assunto na internet!!:o(

Mas, voltando ao tema desta postagem, se você ainda não conhece, visite o blog Game of Thrones Brasil, com certeza você que é fã da série vai curtir!!! E se tiver dicas de outros endereços onde eu possa "saciar" meu interesse pela série, me fala ai, tá!!!


Beijos,
Fefa Rodrigues

terça-feira, 12 de junho de 2012

Dia dos Namorados

Dizem que houve um bispo que contrariou as ordens do Imperador Claudio II, que havia proibido o casamento durante o período de guerras, pois acreditava que os homens solteiros eram melhores guerreiros, já que não tinham que se preocupar com suas famílias deixadas para trás, e continuou realizando casamentos secretamente. Até ele mesmo acabou se casando escondido e, quando foi descoberto, foi condenado à morte.

O bispo passou muito tempo preso, aguardando a execução da sentença, e acabou se apaixonando pela filha de um dos carcereiros. A moça era cega e, antes de ser executado, ele curou-a da cegueira, por esse milagre, acabou se tornando santo. São Valentim.

São Valentim morreu em 14 de fevereiro, coincidentemente, véspera do dia em que se celebrava na Roma Antiga a festa de Juno, deusa da fertilidade, o que levou à celebração do dia dos namorados naquele dia!!

Aqui no Brasil, a gente comemora no dia 12 de junho, já que é véspera do dia de Santo Antônio, o casamenteiro!!!

Aproveite o dia, e celebre o amor!!!Feliz dia dos namorados!!



























"Infinitamente belo. Insuportavelmente efêmero.
A paixão só se contenta com o eterno."

Feliz Dia dos Namorados,
Fefa Rodrigues

Davi, amo você!!!

segunda-feira, 11 de junho de 2012

A Família Addams - Musical

Esse foi o segundo musical que eu assisti. Vi A Bela e a Fera há uns dois anos e, sem dúvidas, foi uma das coisas mais lindas que já vi na vida!! No sábado fui ver A Família Addams, também no Teatro Abril, e posso dizer que valeu cada centavo investido.


Desta vez peguei o Camarote n.º 01, ou seja, setamos de frente para o palco, sem nenhuma cabeça para atrapalhar a visão (não que isso seja um problema no Teatro Abril, pois, da outra vez, ficamos no balcão e a visão também foi ótima) e já no primeiro momento o impacto do cenário é de deslumbrar. Um cemitério ao melhor estilo gótico iluminado por uma lua imensa e cheio de fantasmas dos ancestrais Addams saindo de uma cripta!! Os cenários todos são de tirar o fôlego, pena que não se pode fotografar.



 A história gira em torno de Vandinha se apaixonando por Lucas, um garoto normal e bem diferente dos moldes de sua familia sinistra, do medo de que sua mãe não aceite seu relacionamento e da visita que a fmilia dele, tradicional e chata, fará a sua familia para um jantar de apresentação.


Morticia é interpretada pela Marisa Orth e Gomez por Daniel Boaventura, que dá um show literalmente de interpretação, dança e canto. Ele é ótimo gente. Acredito que todo mundo pensa mais na Marisa quando vai ao espetáculo, mas a estrela é o Daniel, com certeza. Ele é muito engraçado, canta pra caramba e tem dominio total da platéia. Ele é perfeito (Ele foi o Gaston em A Bela e a Fera, ótimo também, mas como Gomez não tem comentários. Perfeito!!!).

O pote de pipoca é personalizado!!!

 E a Vandinha!! Como uma menina tão magrinha e pequena consegue cantar com uma voz daquelas? Fiquei de boca aberta, cada vez que ela cantava era contagiante. Minha cena preferida foi a do Fester cantando para a Lua e voando em sua direção, parece mentira, não dá para acreditar no que a gente está vendo. O mesmo já tinha acontecido em A Bela e a Fera, porque ver efeitos especiais no cinema é legal, mas no teatro é magico!!   

E tem coisinhas legais pra gente comprar de lembrança!!

Então, para quem tiver oportunidade de ver, aconselho... é muito legal mesmo!!! Espero poder ver outros musicais. Foi uma noite de sábado perfeita. Não podia ter sido melhor.

Beijos,
Fefa Rodrigues



Branca de Neve e o Caçador

Fim de semana prolongadamente chuvoso e nada melhor que um cineminha, não é? Desde que vi o trailer de Branca de Neve e o Caçador estava doida pra ver o filme. O que me chamou a atenção foi a cavalaria na batalha, os seres mágicos e uma Branca de Neve "guerreira". Logo imaginei que seria algo tipo Crônicas de Artur do Cornwell, ou seja, a transformação de uma lenda em realidade.


Bem, visto o filme, sinto que deixou um pouco a desejar. Sei que uma história que a gente já conhece desde criança não pode ser muito diferente, não vai sair muito da linha esperada, mas faltou... faltou emoção, faltou batalhas, faltou mágia, faltou comédia e, apesar do climinha entre o Caçador e a Branca, faltou romance. Como disse o Davi, parece que o filme foi muito curto. Na verdade, mesmo sendo uma história já tão conhecida, faltou uma trama mais elaborada.


Falando em Branca de Neve, a Kristen Stewart, até que mandou bem no papel!! Achei que ela continuaria sendo a Bela, mas me parece que ela conseguiu de "desvencilhar" bem da personagem que lhe deu fama!!

Já, para mim, o ponto alto - altíssimo - do filme é o caçador, claro....  e que caçador, né minha gente!!! Não só porque ele é lindo de morrer, mas eu achei a atuação dele a melhor, apesar de lembrar um pouco o Thor, também gostei muito do personagem e tenho certeza de que a Fê, do Na Trilha dos Livros, vai adorar esse cara!!


 
Em resumo, a Branca de Neve perde a mãe, o pai, que é rei, enfrenta um exército fantasma e, ao vencer o exército, encontra uma prisioneira linda - Ravenna - por quem se apaixona imediatamente e se casa com ela no outro dia. A madrasta-bruxa assassina o rei já na primeira noite, aprisiona a Branca em uma torre e domina o reino com sua magia à lá Feitieceira Branca, já que sob seu reinado a natureza toda sofre e morre devido a sua maldade, o povo passa fome e as coisas estão bem ruins por todo o reino. 

Claro que a fonte de todo seu poder de perssuasão é sua beleza que para se manter bela para sempre, ela precisa, de tempos em tempos, sacrificar uma bela jovem... Quando o feitiço começa a enfraquecer, o Espelho diz que somente o sacrifício da jovem mais bela e pura terá efeito... é ai que ela se lembra da Branca, presa lá na torre, e decide sacrificá-la... 


Mas Branca não perde a oportunidade e consegue fugir em direção a Floresta Assombrada... é ai que entra o caçador, convocado pela rainha para encontrar a princesa, já que só ele conhecia os segredos da terrível floresta. O Caçador, no melhor estilo bruto de honra (que nós amamos, né Fê?!), acaba ajudando a Branca a fugir, e ai a gente vai percebendo que ela tem algo de especial, sendo tipo A Escolhida para libertar o reino da ação de Ravenna e assim a história continua, e não vou entrar em mais detalhes para não estragar a coisa pra quem ainda não viu o filme...

  
Ah, tem o príncipe também, que não é la muito encantado, mas com certeza seu coração vai bater mais forte é pelo caçador!!! E ficou uma "deixa" para uma possível continuação da história, ao que me parece... Enfim, vale a pena assistir, especialmente na segunda-feira que a entrada do cinema é mais barata!!! 

Só para finalizar, na sexta-feira peguei matinê para levar meu sobrinho - fã inveterado de cinema já aos sete anos de idade - para ver Madagascar 3, e nós adoramos, bem legal mesmo e o Alex continua fofo como sempre!!! Garantia de boas risadas...


Beijos, 
Fefa Rodrigues