quinta-feira, 31 de maio de 2012

A Gripe do Amor

Tenho sido displicente, confesso. Sequer troquei a foto da minha autal leitura, abandonei Cemitério de Praga em favor de O Historiador, leitura que vai muito bem por sinal, mas não estou lendo com a mesma rapidez de sempre, muito trabalho para fazer lá em casa, espero finalizar o texto e entregar a encomenda no máximo até o próximo feriado e, assim, ficarei livre a noite e poderei voltar pra minha vida de leitora insaciável!!! 

Enquando isso, posto palavras de outros... e hoje vou postar esta letra da Rita Lee, muito boa!!!:o)


A Gripe do Amor

Não há vacina
Nem vitamina
Pega só de olhar
Não tem benzedeira
Chá de erva cidreira
Capaz de curar
A gripe do amor
 

Causa dependência
Provoca furor
Manemolência
O coração não bate
Apanha!
A alma faz mãnha


Peguei a gripe do amor
Não adianta doutor
Tô tendo um piripaque
Por favor não me salve
Quero morrer de amor...(2x)


Se você me ama
Vem ficar de cama
Vem cuidar de mim
Por uma semana
Um mês, um ano
A vida inteira


Peguei a gripe do amor
Não adianta doutor
Tô tendo um piripaque
Por favor não me salve
Quero morrer de amor!.


Falando nisso, tá chegando o dia dos namorados né!!!:o)
Beijos...
Fefa Rodrigues

10 comentários:

Araí NRL disse...

Oi fefa,

Vc gostou do q leu em Cemitério de Praga?

Eu estou com ele aqui, comecei a ler, mas abandonei para ler em outro momento, pq a forma de narrativa me deixou entediada.

Bjs

Fefa Rodrigues disse...

Araí, eu, sinceramente, não estava gostando de O Cemitério, alías, preciso trocar a foto ali, pq abandonei e agora estou lendo O Historiador... eu achei a narrativa estranha, não consegui me "conectar" na história...

estranho, pq eu amei O Nome da Rosa...

CMachado disse...

Olá Fefa!!!!!!!!!!
Menina que calor fora de hora chato!!
Sei q vc gosta, estou so te provocando rsrs.

Menina, li umas páginas do Cemitério, e falava mal de todo mundo, fiquei nervosa c/ aquilo rsrs
O Historiador, leitura gracinha estou a gostar imenso e a amar pai e filha viajando pela Europa...

Rei Arthur BC, aventura muito bom!
Tomara fazer 15 graus no Rio, como se fosse possível... hehehe
Gosto mais do frio, estava vendo ontem umas fotos lindas de praias pelo mundo com águas azuis e coqueiros e areia branquinha.
Se pudesse estar lá ai gostaria de calor... rsrs

Bjk e boas leituras

PS: Estava lendo num blog de uma brasileira q vive na Suécia, sobre abç e aperto de mão. Lá somente p/ pessoas muito intimas. A gente sabe que isso é geral lá fora e que aqui no Brasil a gente sai abraçando todo mundo. Para mim é terrível essa maneira extrovertida nossa, pois sou tímida...
Lembrei isso, porque mando bj para vc e nos blogs dos portugueses eles se despedem com boas leituras somente...

Fefa Rodrigues disse...

Orquidea... amiga, que saudades!!! Faz tempo que não aparece por aki!!

Sobre cemitério, concordo com vc, o inicio qd ele fala mal de tds da uma sensação ruim... quase um nazista, não fosse por falar mal dos alemães tbm... além, é claro, de ser meio que fora de época hehehe... mas eu não aguentei, tive que parar!!!

Agora O Historiador é uma graça de leitura mesmo, apesar de dar arrepios em muitos momentos hehehe, vc não não fica aterrorizada em alguns momentos? Estou amando essa leitura de "terror"...

E aqui esta quente demais tbm... apesar de eu gostar, ja ta passandod a hora do inverno passar por aki... e eu gostod e calor qd da pra ir pra piscina hehehe assim não ta dando... hoje está uma super chuva por aki e mesma assim ta calor... espero q não chova no feriado pq aki tem uma grande festa tradicional da cidade, com comidinhas tipicas e outras bem diferentes e tudo mais... é uma festa beneficente e eu quero muito ir comer acarajé...

E sábado eu vou assitir ao musical Familia Adams que está no teatro abril em SP... não vejo a hora!!!

Vc gosta de musical? Aliás, vc é brasileira?? O jeitinho que vc escreve parece portugês, ou é um estilo carioca???

E, sim, eu sou timida tbm, mas gosto de mandar beijos heheheh

então, beijos Orquidea e boa leitura!!!;o)

CMachado disse...

Rsrsrsrsrsrsrrs
Não menina sou brasileira (carioca),mas adorooooooo, curto mesmo o jeito dos portugueses se expressarem, não é deboche e muito menos estilo carioca, acho que o pessoal não curte muito o diferente. O contrário se dá comigo, gosto do diferente.

rsrsr to rindo muito do seu comentário...

Fefa, dá um medinho sim... Porque eu digo isso, porque tem uma escritora (Mo Hayder) q descobri num blog de uma menina de Portugal. Fui pesquisar e os livros dela totalmente aterrorizantes. Então, acho que medo de não dormir a noite só com ela.

Espero q não chova para vc curtir seus passeios, nunca comi acarajé, parece booommm.

Bjk Ah eu gosto de musical sim!!

Fernanda Cristina Vinhas Reis disse...

Oi Fefa!

Que legal vc vir pra SP ver Famíla Addams! Será que ainda tem ingresso pro sábado? Eu já ouvi falar que é muito legal, e como cresci com a Famíla Addams...Vou ver, quem sabe a gente não se encontra? ;D

Que bom saber que é gostoso ler O Historiador! Ele está na minha estante, mas vou terminar a série que estou lendo, e depois reler As Crônicas do Gelo e do Fogo, que agora que acabou a segunda temporada ficou um vazio...Um ano sem Snowy Goodness...é muito!

Ai, nem quero pensar no tal casamento...fiquei muito feliz que a Dany não viu isso na Casa dos Imortais, como no livro...Eu ainda não estou preparada ;D E Blackwater foi o melhor da temporada! Fiquei supertensa o tempo todo...O final também foi muito bom, vai sair o post até o fim da semana.

Que legal sobre o cachorrinho!!!! Que delícia!Cachorro é tudo de bom, qualquer que seja. Eu quase peguei um gatinho branco ano passado que ia se chamar fantasma também ;D Mas não pude ficar com ele :( Um dia vou ter um Ghost pra mim!

Orquídea, leva a mal não, mas eu também achei que você era portuguesa, por causa do jeito de escrever ;D

Beijos!

Fernanda Cristina Vinhas Reis disse...

Mais uma coisa: eu li um outro livro do Umberto Eco, faz muito tempo, A ilha do dia seguinte...mas a narrativa é mesmo confusa e eu sinceramente não entendi muito bem. Ádoro O nome da rosa, o filme, mas depois de ler esse livro, até desanimei de ler o livro...Meu pai também falou que tem várias partes em latim e que é difícil de ler...

Beijos!

Nerito disse...

Engraçado que ultimamente minha namorada tem comentado muito da Rita Lee e das letras inteligentes dela. Gostei muito dos trocadilhos. Eu reconheço (com um pouco de vergonha) que não sei muito de música contemporânea. Preciso conhecer mais... rs...

Fernanda Cristina Vinhas Reis disse...

Oi Fefa!

Eu estou tentando ver os ingressos para Família Addams. Você vai sábado que hora? Acho que ainda dá pra comprar, mas prteciso saber o horário pra gente se encontrar ;D

Olha, eu tô no FB (acho que até tenho vc, mas aí vai a minha página http://www.facebook.com/#!/fcvreis) e no twitter (@fefenatrilha) tb, e eu te sigo. Qualquer coisa, vc me acha por lá.

Beijos!

Fernanda Cristina Vinhas Reis disse...

Oi Fefa!

Infelizmente não vai dar pra gente se encontrar. Eu preciso fazer uns trabalhos para a faculdade e uma amiga minha vem em casa no sábado pra gente pelo menos começar :(

Mas tenho certeza que ainda vão surgir muitas oportunidades! Aproveite bastante e depois conta pra gente como foi.

Beijos!